O que fazer se o seu celular caiu na água: Dicas testadas e aprovadas

raphael
4 Min Read

Seu celular caiu na água? Isso, sem sombra de dúvidas, deixa qualquer um preocupado. Quando isso acontece, várias coisas passam em nossa cabeça, sem sombra de dúvidas. Começamos a pensar que o celular não vai mais ligar, se a garantia do dispositivo cobre a realização do reparo, e logo pensamos no que deve ser feito para consertar o dispositivo, pois ainda estamos pagando e temos várias parcelas a pagar, e há uma grande possibilidade de o dispositivo não ligar mais.

Nas piores situações, o celular acaba ligando, mas aí você se depara com uma tela verde ou até mesmo a tela preta, identificando que a tela não está ligando. Existem dicas que podemos seguir o mais rápido possível depois que o celular caiu em algum local com água. Tomando as atitudes adequadas, você tem uma grande possibilidade de resgatar seu aparelho celular.

 

Neste tutorial, iremos explicar de forma detalhada o que deve ser feito quando o seu celular cair na água, visando aumentar significativamente as chances de salvar o aparelho. Vale ressaltar que as instruções são voltadas para dispositivos que possuem bateria não removível, conforme comum nos modelos atuais.

 

  1. Não tente ligar o celular logo após retirá-lo da água, e se estiver ligado desligue-o

Resista à tentação e à curiosidade de verificar se o celular está funcionando ou não. Em nenhuma circunstância tente ligá-lo após ter caído na água. Se possível, remova imediatamente a bateria. No caso de dispositivos sem bateria removível, evite ligá-lo, a fim de prevenir possíveis curtos-circuitos nos componentes. Se, por acaso, o celular continuar ligado, desligue-o imediatamente.

    2. Desmonte o celular o máximo para a água escorrer enxugue com pano limpo

Ao realizar a manutenção do seu aparelho celular, desmonte-o ao máximo, removendo a capinha, bateria, cartão de memória, cartão SIM e todos os componentes possíveis. Em seguida, seque cuidadosamente o excesso de água utilizando um pano que não deixe resíduos. É crucial continuar resistindo à tentação de ligar o celular neste momento, pois fazê-lo pode resultar em danos irreversíveis e impedir que ele volte a funcionar.

   3.Use um aparelho de sucção para secar o restante da água

Este serve para todos que caírem na água ou em algum outro tipo de líquido, até para aqueles onde não se pode tirar a bateria. Após ter retirado o excesso de água com um pano limpo ou flanela, caso tenha um aspirador de pó, este vai ser seu melhor aliado na luta para sobrevivência do seu smartphone. Isto por que ele vai puxar praticamente o restante de líquido que possa ter entrado nos pequenos orifícios do aparelho.

Concentre a sucção em cada pequeno buraco do aparelho que você identificar. Mantenha a sucção nesses locais por, no mínimo, 1 minuto. Esse tempo é necessário para realizar a secagem na área úmida e ajudar a remover a água dos componentes internos do celular.

 

Atenção: o método usando a sucção do aspirador de pó é o mais eficiente nestes casos onde você talvez não disponha de equipamentos necessários para quando um tragédia dessa acontecer. Não use equipamentos que gerem calor, como secadores de cabelo, nem mesmo deixe seu celular no sol ou outro lugar quente.

 

Compartilhe este artigo
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *